Segunda-feira, 30 de Março de 2009
Novo Enigma!

 

   figuraAquela era uma noite ideal para se ficar na cama, pois chovia muito.
xxxxx
Ao olhar pela janela, o Inspetor Arruda viu que a chuva aumentara. Nesse momento, ao ouvir o toque do relógio, percebeu que já era bem tarde.
xxxxx
Ocorre que estava tão entretido examinando os documentos de um complicado caso, que não se dera conta do passar do tempo.
xxxxx
Essa não, perdi a hora! Exclamou ao ver que o relógio marcava três horas da madrugada.
xxxxx
Por isso mesmo, deixou seus relatórios para o dia seguinte e foi deitar. figuraLogo cedo, quando mal acabara de se vestir, recebe um telefonema urgente do museu da cidade. 

Iinformavam-lhe de um roubo misterioso. Uma preciosa peça antiga havia sido roubada e aparentemente o gatuno, que agira à noite, não deixara nenhuma pista.

Como a esquadra ficava próxima do museu, ordenou aos seus assistentes, que para lá fossem imediatamente e isolassem a área onde ocorrera o facto. Isso evitaria que eventuais provas importantes pudessem ser apagadas. figuraChegando ao local, o Inspector foi recebido pelo diretor do museu, o Dr. Khorr Upto, uma respeitável autoridade em antiguidades. Este logo cuidou de deixá-lo a par da situação.

Foi uma tragégia inspector. A mais preciosa peça de nossa colecção antiga foi roubada.

É um cálice de valor inestimável cuja idade exacta ninguém conhece. Em torno dele há uma lenda que diz, "aquele que o usar para beber água, terá saúde eterna!"

Sem falar no seu imenso valor, já que é ouro e coberto com jóias de grande beleza.

figuraE continuou o director:

O alarme do museu disparou minutos antes das 3:00h da madrugada quando chovia.

Pouco depois, o vigia da noite, percebeu o depósito arrombado. Imediatamente ligou-me e ordenei que toda área fosse isolada para impedir que vestígios importantes fossem apagados.

Eu mesmo cheguei às três horas em ponto, e já encontrei tudo como o Sr. verá. Inclusive as pegadas, que acredito foram deixadas pelo ladrão.

figuraAo terminar o relato, o diretor leva então o inspector ao local do roubo.

O inspector então examina tudo. Observa ele que a porta está exactamente como foi encontrada pelo diretor. Está entreaberta, e o cadeado aberto sugere que foi violado.

Ele também observa, no chão de barro, do lado de fora do depósito, encharcado pela chuva, algumas pegadas, que certamente foram deixadas pelo autor do delito.

O director afirmara que ao chegar, as tais pegadas, já estariam no local...figuraDepois de cuidadosamente examinar o local do roubo, o inspector reflete sobre as poucas evidências que possui, e percebe que está diante de um caso complicado. Mas, dono de uma mente arguciosa e lógica, o inspector não é de se abater fácil.

Desse modo, juntando o que viu com aquilo que ouviu do director, conclui que ele, o famoso diretor do museu estava a mentir descaradamente.

Que evidências o levou a tal conclusão?



publicado por Sofia às 13:40
link do post | SORRIR | favorito
|

5 comentários:
De Vida de enfermeiro a 30 de Março de 2009 às 14:18
Ora bem..o senhor dono do museu é um ganda mentiroso...

Mentira nr1
Ora vejamos...se o alarme tivesse disparado as 3h o inspector ouvia visto que estava perto do local.

Mentira nr2
Estava a chover e as pegadas não desapareceram? tão mentiroso...


De jessica a 7 de Fevereiro de 2010 às 17:08
vc é muito burro


De Vida de enfermeiro a 30 de Março de 2009 às 14:20
Mentira nr 3
Aquele cadeado pode estar tudo menos arrombado...


De Jorge Soares a 30 de Março de 2009 às 23:26
Olá

É ideia minha ou aquele cadeado estava da parte de dentro da porta?

Beijinho
Jorge


De jessica a 7 de Fevereiro de 2010 às 17:09
a resposta é q tava chovendo na hora do crime entao nao estaria com pegadas


Comentar post

Mais sobre mim
Sorrisos Recentes

Fim de Semana de Culinári...

Quem corre por gosto às v...

Sai mais uma fornada de b...

Lá vinha ele a galopar......

As minhas bolachinhas de ...

Um amigo de 4 patas

Quando o semáforo está in...

De 31 de Outubro a 1 de N...

Mais vale um pássaro na m...

Quase que se estragava o ...

profile editor

profile editor

Arquivos
As minhas artes no Facebook

SofiaSantos Cantinho Das Decorações

Cria o teu cartão de visita
tags

as crianças(4)

cá na terra(10)

coisas que me acontecem(23)

culinárias(1)

histórias da minha terra(13)

noticias(9)

o que tenho feito(6)

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds