Segunda-feira, 3 de Julho de 2006
O teu olhar...

Não consigo deixar de pensar nos teus olhos. Naquele olhar, o teu olhar! Cristalino cor do mar. Embalado nas ondas de um azul profundo.

Quero abraçar o meu olhar ao teu e balançar nesse vaivém constante. Submergir num mundo de sonhos e feitiços e acreditar que é real.

Nossos olhares cruzados prendem-se e não mais se afastam até se unir num só, numa mistura doce de azul e castanho. E um arco-íris de emoções transforma o nosso dia.

Poderia olhar-te tempo sem fim sem pestanejar, até saber de cor cada traço do teu olhar

 



publicado por Sofia às 17:22
link do post | SORRIR | favorito
|

3 comentários:
De sergio martins a 4 de Julho de 2006 às 23:14
estes poemas nao sei em kem te inspiraste!!!
nao sei msm, mas fica uma ideia bem gira dos olhos castanhos... ahhaha
esta bem bonito e fiko a espera de mais.... ate já
bjs fofos


De marco a 7 de Julho de 2006 às 14:17
olá sofia tens jeito para escreveres poemas mas este gostei mais vejo que também és muito romântica continua um grande beijo


De CARLOS a 7 de Julho de 2006 às 17:48
Em primeiro lugar parabens pelo blog, adorei a foto do pôr do sol.
Tou a ver que tens jeito muito jeito para poemas, daqui a uns anos já me estou a ver a comprar um livro teu.
Parabens pelo poema!!!


Comentar post

Mais sobre mim
Sorrisos Recentes

Fim de Semana de Culinári...

Quem corre por gosto às v...

Sai mais uma fornada de b...

Lá vinha ele a galopar......

As minhas bolachinhas de ...

Um amigo de 4 patas

Quando o semáforo está in...

De 31 de Outubro a 1 de N...

Mais vale um pássaro na m...

Quase que se estragava o ...

profile editor

profile editor

Arquivos
As minhas artes no Facebook

SofiaSantos Cantinho Das Decorações

Cria o teu cartão de visita
tags

as crianças(4)

cá na terra(10)

coisas que me acontecem(23)

culinárias(1)

histórias da minha terra(13)

noticias(9)

o que tenho feito(6)

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds